Cultura

Bibliotecas dos museus angolanos geridas online

As bibliotecas dos museus angolanos vão passar, em breve, a serem geridas, num sistema online, graças à instalação de um software de gestão, criado pela empresa Logicpulse, informou, hoje, a museóloga Soraia Ferreira.

A especialista disse que o programa da empresa angolana de tecnologia vai ser instalado no âmbito da modernização dos museus. O Museu Regional da Huíla foi um dos primeiros a ter o software. Nesta semana, que se comemora, em todo o mundo, o Dia dos Museus, assinalado na segunda-feira, a museóloga disse que a empresa está disposta a implementar o programa em todos os museus do país. 

“Iniciativas do género podem ajudar o empresariado local a ver a cultura, em especial os museus, de uma maneira diferente e incentivá-lo a criar programas capazes de ajudar a atrair mais público a estas instituições”, perspectivou.  O Dia Internacional dos Museus é celebrado todos os anos, desde 1977, devido a uma proposta do Conselho Internacional dos Museus (ICOM). Todos os anos é escolhido um tema para as comemorações.

Este ano, o tema é “Museus para a igualdade: diversidade e inclusão” e surge como um desafio e incentivo aos profissionais do sector, de forma a programarem todas as actividades em torno do seu objecto social. Devido a pandemia da Covid-19, os museus em Angola, mantêm as portas encerradas ao público e, por isso, a data serviu para os profissionais reflectirem sobre o papel do museu na sociedade actual.