Desporto

Musah e Elber em dúvida para o jogo com o Libolo

O médio Musah Inusah e o guarda-redes Elber, ambos da equipa principal do Petro de Luanda, estão em dúvida para o jogo contra o Recreativo do Libolo amanhã, às 16h00, no Estádio Nacional 11 de Novembro, em Luanda, para a sequência da disputa da 13ª jornada do Campeonato Nacional de Futebol da Primeira Divisão, Girabola'2019/20.

A informação foi avançada, ontem, pelo treinador Toni Cosano na habitual conferência de imprensa de antevisão ao desafio, no final do treino realizado no campo Osvaldo Saturnino de Oliveira “Jesus”, no Complexo Demósthenes de Almeida.
“Temos alguns jogadores contundidos e que não estão a 100 por cento fisicamente, mas o médico depois vai falar sobre estes aspectos. Outros estão cansados e com muitos minutos de jogo”, disse no encontro com os jornalistas.
Inusah Mensah, que está sem treinar desde segunda-feira, saiu lesionado no desafio frente ao USM de Argel, disputado sábado passado no Estádio Nacional 11 de Novembro, com igualdade a uma bola, referente à segunda jornada do Grupo C da 24ª edição da Liga dos Clubes Campeões Africanos.
Já Elber foi poupado na sessão de treino de ontem pelo corpo técnico, por queixar-se de algumas dores na terça-feira, e Toni Cosano aguarda pela opinião do médico para saber se pode contar com o guarda-redes no desafio de amanhã.
Com esta situação, Gerson Barros prepara-se afincadamente para render o companheiro, ao passo que Karanga ou Megue estão ansiosos para substituir o ghanense, mas tudo está dependente dos resultados médicos.
Os tricolores da capital cumprem hoje, às 9h00, mais uma sessão de treino, no bairro Madame Bergman, a última antes do desafio contra o Libolo, com realce para a correcção de alguns detalhes das situações de jogo.
Como tem sido hábito, o espanhol vai alinhar de um lado o guarda-redes Gerson Barros ou Augusto Mualucano, os defesas Diógenes (Eddie Afonso), Wilson (Nari), Isaac Mensah (Danilson) e Tó Carneiro (Ariclene) e do outro os médios Karanga (Dolly Menga), Herenilson (Megue), Além (Yano), Dany Satonho, Tony (Jacques Tuyisenge) e Job para os ensaios dos esquemas de jogo.
Na última parte da preparação, o grupo vai exercitar, para melhorar a qualidade, a cobrança de bolas paradas, também com o propósito de emendar os problemas na finalização, bem como trabalhar os movimentos defensivos na área de guarda-redes.
Ontem, no seu “habitat”, o treino foi dominado pelas correcções da organização dos movimentos defensivos e ofensivos, com preponderância para a finalização após transições rápidas.

Nacionais jovens foram agendados para Maio

A Federação Angolana de Futebol (FAF) agendou o período de 9 a 24 de Maio de 2020 para a disputa dos Campeonatos Nacionais Sub-17 e Sub-20 masculinos, devido à pausa pedagógica no calendário escolar do Ministério da Educação.
De acordo com o comunicado oficial número 49 , a instituição reitora do futebol nacional convida as Associações Provinciais (APF'S) interessadas a apresentarem candidaturas para sediar as provas, com suporte dos governos locais. O prazo limite para a apresentação das candidaturas é o dia 20 de Fevereiro, que devem estar em envelope lacrado, seguindo a norma existente na sede da FAF, na Urbanização Nova Vida, em Luanda.
Para a competição Sub-17 (ex-juvenis) só podem estar inscritos os atletas com idade máxima de 16 anos e a mínima de 15 no ano civil, com autorização dos pais ou encarregados de educação, reconhecida pelo Registo Notarial do Ministério da Justiça.
Já para os Sub-20 (ex-juniores) podem ser inscritos apenas os futebolista que completam 20 anos antes do mês da realização do Campeonato Nacional, e o mínimo de 17 anos, também com a autorização dos pais ou encarregados de educação, reconhecida pelo notário, e a apresentação de um documento com a situação militar regularizada, no ano que completa 18 anos.
A equipa Sub-20 do Petro de Luanda é a actual campeã nacional, título conquistado na cidade do Huambo, enquanto o 1º de Agosto levantou o troféu na classe Sub-17, também no Planalto Central.