Desporto

Rossi imperial no Monza Rally Show

Ao volante de um Ford Fiesta RS WRC, Valentino Rossi tomou conta do Monza Rally Show, competição que decorreu no passado fim de semana.


‘Il Dottore’ cumpriu o sonho de tornar-se no maior vencedor de todos os tempos da prova, ao somar a sexta vitória e o terceiro triunfo consecutivo. No entanto, não foi fácil já que ele recebeu uma penalidade de dez segundos. "Esta vitória lembra-me muito a corrida de Phillip Island em 2003”, revelou o piloto da Yamaha MotoGP em entrevista à "GPone". “Recebi uma penalidade de dez segundos por ter feito uma ultrapassagem sob bandeira amarela, mas ainda consegui vencer a corrida", relembrou o piloto, que ficou surpreendido com a decisão da direcção de corrida em Monza. “Acho que foi um simples erro por parte da equipa”, explicou. “A equipa cometeu um erro, na medida em que pesaram o carro com as luzes auxiliares. No começo não quis acreditar, mas tive que aceitá-lo”, confessou.
Apesar de ser sempre optimista, Rossi ainda pensou ter perdido a oportunidade de ser tornar no “Senhor Monza”. “Tenho de admitir que pensei ter perdido naquele ponto. Mas, voltei determinado e a penúltima etapa foi a mais emocionante. Depois o (Marco) Bonanomi cometeu um erro e ganhei “, esclareceu.
Concluído o Monza Rally Show, Rossi despede-se da temporada 2017. Até novos testes MotoGP, em Fevereiro, o piloto Yamaha terá tempo suficiente para tirar algumas conclusões. "Não foi um óptimo ano para ser honesto. Houve algumas boas corridas, mas o nosso potencial é maior do que o que vimos. Agora, a parte difícil é fechar a lacuna”, frisou Rossi.