Economia

Feira promove produção local

Pelo menos 120 expositores já confirmaram presença na sexta edição da “Feira de Natal”, que decorre em paralelo com a primeira edição da “Feira da Batata”, de 10 a 15 de Dezembro, na cidade do Lubango, província da Huíla.

O evento, que acontece no recinto da Expo-Huíla, no Complexo da Senhora do Monte, Lubango, de acordo com os organizadores, visa promover a produção local e pôr à disposição do consumidor produtos do campo a preços acessíveis.
A iniciativa da Associação Agropecuária Comercial e Industrial da Huíla (AAPCIL), conta com a parceria da Universidade Mandume Ya Ndemufayo e o apoio do governo provincial.
Em declarações prestadas ontem à Angop,  o presidente da AAPCIL, Paulo Gaspar, disse que a ideia da criação da “Feira da Batata” surgiu da necessidade de promover o produto, que constitui uma mais-valia para a região.
No decurso do evento, prosseguiu, será ministrado um seminário sobre produção de batata e apresentadas as diversas espécies produzidas na província.
“Há seis anos que a AAPCIL realiza a "Feira de Natal", com o objectivo de promover os produtos agrícolas e achamos por bem inserir no certame a primeira feira da batata, pois, apesar de não termos uma ideia exacta das variedades produzidas na província, temos garantias de que estarão lá todas”, disse.
Além de produtos agrícolas, prosseguiu, a feira reserva espaços para brindes de Natal. A grande vantagem que oferece, acentuou, está no facto de juntar, num só espaço, compradores, revendedores e produtores.
Paulo Gaspar informou que, para o evento, foram convidadas, essencialmente, produtores e fornecedores com dificuldade em negociar, com intermediários, a venda dos seus produtos.
“É uma feira de compra e venda, onde o produtor comercializa directamente com o consumidor final”, explicou, salientando que a AAPCIL não cobra o espaço para motivar  a presença de um maior número de negócios no local.