Economia

Viação e trânsito rende milhares de kwanzas

A aplicação de multas aos automobilistas transgressores das normas de condução na via pública e outras exigências obrigatórias, na província do Cunene, rende entre 400 mil e 700 mil kwanzas por semana aos cofres do Estado, apurou sexta-feira o Jornal de Angola.

Uma nota de balanço do Comando Provincial da Polícia Nacional afirma que o serviço de Viação e Trânsito da província do Cunene arrecadou no período de 6 a 13 deste mês, 645.196 kwanzas, um aumento de 272.595 mil em relação à semana anterior. Desse valor, afirma o documento,  309.160 kwanzas são provenientes de taxas diversas e 336.036 kwanzas de multas pagas nas Repartições Fiscais, assim como da inspecção e transferência de matrículas de oito viaturas e da emissão de diferentes documentos, como cartas de condução, livretes e verbetes.
No período em referência, foram registadas 91 infracções ao código de estrada e seu regulamento, contra 33 da semana anterior, que resultaram na apreensão de 16 viaturas, sendo 12 por falta de licença de aluguer e quatro por falta de pagamento de seguro, e igual número de motociclos por falta de documentos e não uso de capacete de protecção, bem como a falta de matrícula. Foram ainda retidas 54 cartas de condução por uso de telemóvel no exercício de condução, não uso de cinto de segurança, excesso de lotação de passageiros, falta de pagamento de seguro, alteração de característica e falta de iluminação nos veículos.