Mundo

Comboio descarrila e faz dois mortos e 30 feridos

Um comboio do serviço alfa pendular descarrilou ontem, na Linha do Norte em Soure, perto de Coimbra (Portugal), fazendo dois mortos e 30 feridos. No comboio, que fazia o sentido Sul-Norte, seguiam cerca de 200 passageiros, de acordo com o presidente da Junta de Freguesia de Soure, Santos Mota, em declarações ao Diário de Notícias.


Na origem do acidente estará o choque frontal entre a composição e uma máquina de manutenção que operava na linha. As duas mortes já confirmadas serão dos dois trabalhadores que operavam a máquina, disse a mesma fonte.

“Essa máquina estava no sítio errado”, disse ao Diário de Notícias o presidente da junta de Soure, acrescentando que o acidente aconteceu muito perto da estação - e da vila - e que os moradores próximos “ouviram um grande estrondo”. Os passageiros que seguiam no Alfa Pendular foram levados para um hospital de campanha no pavilhão municipal, onde serão testados à Covid-19, segundo informações de um dos passageiros.

A mesma testemunha relatou ao mesmo jornal os momentos de pânico que se viveram no interior da composição, no momento do embate, com os passageiros a gritarem: “Todos para o chão”. “Pensei que ia morrer. A carruagem demorou uns 10 ou 15 segundos a parar. As pessoas gritavam e deitavam-se no chão. Depois, a carruagem começou a encher-se de fumo”, contou.

“Ficámos presos no interior da carruagem, porque as portas ficaram destruídas. Alguém conseguiu partir uma delas e começámos a sair e a ajudar outras pessoas a sair”, descreveu. Pelo menos duas carruagens - as primeiras - saltaram dos carris.