Mundo

Ex-combatentes tuaregues vão ser integrados no exército

Pelo menos, 324 ex-combatentes rebeldes tuaregues acabam de concluir a formação, devendo assim ser integrados no Exército maliano, no quadro do Acordo de Paz e Reconciliação, assinado em Maio e Junho de 2015 entre o Governo, grupos armados do norte e a comunidade internacional, soube a Pana junto de fonte dos serviços de segurança locais.

Estes elementos, que seguiram uma formação acelerada, são 15 oficiais formados nas Escolas Militares Inter-Armas (EMIA) de Koulikoro, 80 suboficiais da Escola dos Suboficiais (ESO) de Banancoro e 229 militares das fileiras de Tiby. Um primeiro grupo de várias centenas de soldados foi formado recentemente, tendo sido integrado nas forças de defesa e de segurança do Mali.