Política

Ministro visita órgãos de comunicação social

O ministro da Comunicação Social, João Melo, considerou ontem, em Ndalatando, Cuanza-Norte, que algumas dificuldades constatadas no funcionamento dos órgãos da província são comuns às demais províncias.

Durante uma visita de algumas horas, depois de presidir, em Malanje, à abertura do curso regional de jornalismo, o ministro disse que de um modo geral os órgãos de comunicação social no Cuanza-Norte estão bem instalados, têm quadros e equipas de trabalho organizados, o que dá a entender que existem os requisitos básicos para se fazer um bom trabalho.
No Cuanza-Norte, João Melo visitou as delegações da Agência Angola Press, o Centro de Produção da TPA, a delegação da Edições Novembro e a emissora local da Rádio Nacional de Angola.
Acompanhado dos presidentes dos conselhos de administração dos órgãos públicos de comunicação social e outros responsáveis, o ministro constatou o grau de funcionamento dos referidos órgãos e mostrou - se satisfeito pelo trabalho desenvolvido pelos profissionais.
O ministro disse que alguns problemas ainda existentes nos diferentes órgãos serão resolvidos gradualmente e realisticamente, conjugando os esforços do Executivo,  do Governo da província e das próprias empresas públicas.
João Melo disse acreditar que existem condições para se fazer muito mais do que aquilo que se faz até agora.
O curso regional de jornalismo, que termina hoje, tem a participação de profissionais das províncias de Malanje, Cuanza-Norte e Uíge.