Artigo

Reportagem

Presidente da República em Nova Iorque

O Presidente João Lourenço discursou, pela primeira vez, na Assembleia-Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque, Estados Unidos, desde que assumiu a chefia do Estado, a 26 de Setembro do ano passado.

À margem da Assembleia Geral, o Presidente João Lourenço discursou na abertura do fórum de negócios Estados Unidos - Angola, organizado pela Câmara de Comércio americana, com a participação de empresários americanos e angolanos.
João Lourenço reuniu-se, também, com dirigentes de multinacionais americanas que operam em Angola, a quem convidou para investirem em todos os sectores da economia nacional, desde a construção e gestão de portos, agricultura, pecuária, ensino superior, saúde, turismo, entre outros.
No encontro, o Chefe de Estado anunciou a construção de várias barragens no país, na modalidade contratual “Build, Operate, Transfere” (constrói, opera e transfere), para não aumentar os encargos do Estado com o serviço da dívida.  
João Lourenço teve encontros com o Secretário-Geral das Nações Unidas, António Guterres, e com os Presidentes de Cuba, Miguel Díaz -Canel, e da Croácia, Kolinda Grabar -Kitarović.
A presença da delegação angolana, em Nova Iorque, foi ainda aproveitada para a assinatura do Tratado de não proliferação de armas nucleares, rubricado pelo ministro das Re-lações Exteriores, Manuel Augusto, na sede da ONU.
Manuel Augusto assinou também um acordo geral de cooperação, com a Arábia Saudita, que define as bases que vão guiar os contactos em vários sectores.